Atalho do Facebook

FICAMOS ALEGRES COM SUA VISITA

ESPERAMOS, QUE COM A GRAÇA SANTIFICANTE DO ESPIRITO SANTO, E COM O DERRAMAR DE SEU AMOR, POSSAMOS ATRAVÉS DESTE HUMILDE CANAL SER VEÍCULO DA PALAVRA E DO AMOR DE DEUS, NÃO IMPORTA SE ES GREGO, ROMANO OU JUDEU A NOSSA PEDRA FUNDAMENTAL CHAMA-SE CRISTO JESUS E TODOS SOMOS TIJOLOS PARA EDIFICACÃO DESTA IGREJA QUE FAZ O SEU EXODO PARA O CÉU. PAZ E BEM

AGRADECIMENTO

AGRADECEMOS AOS NOSSOS IRMÃOS E LEITORES, POR MAIS ESTE OBJETIVO ATINGIDO, É A PALAVRA DE CRISTO SEMEADA EM MILHARES DE CORAÇÕES. PAZ E BEM

terça-feira, 28 de março de 2017

Estar com Deus, ou estar em Deus....


Somos gratos ao Senhor por tudo que Ele nos tem dado, tanto no que se refere a nosso relacionamento com Ele quanto no que diz respeito às bênçãos com que nos tem agraciado. Isso acontece porque sabemos que Deus tem muito mais para nós e porque sabemos que muito mais ainda temos de buscá-lo. O Senhor nos exorta a buscá-lo e a invocá-lo, conforme está escrito: “Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração. Invoca-me, e te responderei” (Jr 29.13; 33.3). É buscando o Senhor com intensidade de coração que receberemos tudo o que Ele tem para nós, e Ele tem sempre o melhor para todos que o buscam. Durante os 40 anos que o povo de Israel caminhou pelo deserto, diz a Palavra que “o Senhor ia adiante deles, durante o dia, numa coluna de nuvem, para os guiar pelo caminho; durante a noite, numa coluna de fogo, para os alumiar” (v.21). Quando nossa vida está realmente nas mãos do Senhor, reconhecemos que Ele vai à nossa frente e sentimos Sua presença. O caminho pelo qual Deus nos conduz é sempre o melhor. Nos desertos da vida, não existem placas sinalizadoras. Tudo o que precisamos durante esses desertos é ter nossos olhos fitos no Senhor. Hoje, não temos uma nuvem para nos guiar, mas temos a Palavra de Deus e o testemunho do Espírito Santo em nossa vida. “Nunca se apartou do povo a coluna de nuvem durante o dia, nem a coluna de fogo durante a noite” (v.22). A nuvem representava a presença do Deus onipotente, onipresente e onisciente, que faz toda a diferença em nossa vida. “Respondeu-lhe: minha presença irá contigo, e eu te darei descanso. Então, lhe disse Moisés: se tua presença não vai comigo, não nos faças subir deste lugar” (Êxodo 33.14-15). Quantas vezes tomamos decisões sem considerarmos a presença do Senhor? E o resultado disso é sempre insucesso. Quando a presença de Deus não se faz presente em nós, cansamos. A presença dele traz descanso e paz para todas as áreas de nossa vida. “Se Tua presença não vai comigo, não nos faça subir deste lugar” (v.15). É importante abrirmos mão de nossas próprias opiniões. Na maioria das vezes, as discussões acontecem porque queremos que nossas opiniões prevaleçam: “tem de ser assim”. É fundamental entender a crucial diferença entre defender um ponto de vista e contender com Deus para que nossa vontade prevaleça sobre a Dele. Ele sempre terá o melhor para nossa vida. Quando nosso coração descansa nessa realidade, tudo o que Deus tem para nós acontecerá, porque Ele não faz nada pela metade. Começa e termina a boa obra. O que Deus disse a Moisés vale para nós: “A minha presença irá contigo, e eu te darei descanso” (v.14). Não conseguimos ver Deus fisicamente porque Ele é Espírito. Porém, mesmo não o vendo com nossos olhos físicos, podemos senti-lo. Não apenas o entendimento dessa presença como um conhecimento teológico, mas Sua presença manifesta. E, se reconhecermos isso em nossas decisões, em nossas palavras e no nosso dia a dia, seremos o povo mais feliz desta terra. “Pois como se há de saber que achamos graça aos teus olhos, eu e o teu povo? Não é, porventura, em andares conosco, de maneira que somos separados, eu e o teu povo, de todos os povos da terra?” (Êxodo 33.16). A diferença entre o cristão e aqueles que ainda não conhecem o Senhor não é simplesmente o nome de uma religião, mas são a entrega total a Jesus e a certeza da presença do Deus vivo. Paz e bem
Postar um comentário