Atalho do Facebook

FICAMOS ALEGRES COM SUA VISITA

ESPERAMOS, QUE COM A GRAÇA SANTIFICANTE DO ESPIRITO SANTO, E COM O DERRAMAR DE SEU AMOR, POSSAMOS ATRAVÉS DESTE HUMILDE CANAL SER VEÍCULO DA PALAVRA E DO AMOR DE DEUS, NÃO IMPORTA SE ES GREGO, ROMANO OU JUDEU A NOSSA PEDRA FUNDAMENTAL CHAMA-SE CRISTO JESUS E TODOS SOMOS TIJOLOS PARA EDIFICACÃO DESTA IGREJA QUE FAZ O SEU EXODO PARA O CÉU. PAZ E BEM

AGRADECIMENTO

AGRADECEMOS AOS NOSSOS IRMÃOS E LEITORES, POR MAIS ESTE OBJETIVO ATINGIDO, É A PALAVRA DE CRISTO SEMEADA EM MILHARES DE CORAÇÕES. PAZ E BEM

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Como ser igreja sem ser coletivo.....


Escutamos com certa frequência que a liberdade de um vai até onde começa a do outro pois, afinal de contas, já dizia a frase de caminhão: Deus deu a vida para cada um cuidar da sua. Isso até pode ser real em um mundo de relacionamentos superficiais, interesseiros, frágeis e descartáveis, mas não deveria ser assim no contexto do Cristianismo pois, neste, há invasão de privacidade, há entrelaçamento de vidas. Há vida na vida. Um ambiente onde devem existir interesses e disposições mútuas. Contrariando a célebre frase, como cristãos vivemos e cuidamos um a vida do outro, pois somos membros uns dos outros. Cristianismo é vida em comunidade, não carreira solo. E isso não é opcional. Você pode até ler sua Bíblia e orar sozinho em sua casa, mas você não pode viver igreja sozinho pois igreja é o coletivo não o indivíduo. Lendo o Novo Testamento, percebemos a ocorrência de diversos textos que expressam a comunhão ou mutualidade cristã, por exemplo: • Amai-vos uns aos outros (Rm 12.10; 13.8; 1 Ts 3.12; 4.9; 1 Pe 1.22; 1 Jo 3.11,23; 4.7,11,12; 2 Jo 5; Jo 13.34,35; 15.12,17; 2 Ts 1.3); • Tende o mesmo sentimento uns para com os outros (Rm 12.16; 15.5); • Tende paz uns com os outros (Rm 14.19; 1 Ts 5.13; Mc 9.50); • Edificai-vos uns aos outros (Rm 14.19; 1 Ts 5.11); • Acolhei-vos uns aos outros (Rm 15.7); • Admoesteis uns aos outros (Rm 15.14); • Servi uns aos outros (Gl 5.13; 1 Pe 4.10; Jo 13.14); • Levai as cargas uns dos outros (Gl 6.2); • Suportai-vos uns aos outros (Ef 4.2; Cl 3.13); • Sejais compassivos uns para com os outros (Ef 4.32); • Perdoai-vos uns aos outros (Ef 4.32; Cl 3.13); • Sujeitai-vos uns aos outros (Ef 5.21); • Instrui-vos mutuamente (Cl 3.16); • Aconselhai-vos mutuamente (Cl 3.16); • Consolai-vos uns aos outros (1 Ts 4.18; 5.11); • Exortai-vos uns aos outros (Hebreus 3.13); • Confessai, pois, os vossos pecados uns aos outros (Tg 5.16); • Orai uns pelos outros (Tg 5.16); • Tenhais comunhão uns com os outros (1 Jo 1.7); • Confortai-vos uns aos outros (Rm 1.12); • Cooperai em favor uns com os outros (1 Co 12.25); • Façais o bem uns para com os outros (1 Ts 5.15); • Não vos mordeis e nem vos devoreis uns aos outros (Gl 5.13); • Não nos julguemos uns aos outros (Rm 14.13); • Não mintais uns aos outros (Cl 3.9); • Não negligencieis a mútua cooperação (Hb 13.16); • Não faleis mal uns dos outros (Tg 4.11); • Não vos queixeis uns dos outros (Tg 5.9); • Não murmureis entre vós (Jo 6.43); • Não ofendeis uns aos outros (At 7.26); • Não vos priveis um ao outro no casamento (1 Co 7.5); • Não vos destruís uns aos outros (Gl 5.15); • Não vos provoqueis uns aos outros (Gl 5.26); • Não tenhais inveja uns dos outros (Gl 5.26). Paz e bem
Postar um comentário